Ao manobrar e operar máquinas pesadas, assim como as retroescavadeiras, as pás-carregadeiras também possuem instruções a serem seguidas.

Seu operador deve ter controle e conhecimento total sobre o equipamento antes de opera-lo. Além de estar confiante e ter conhecimento das condições do ambiente de trabalho.

Algumas orientações devem ser seguidas, como por exemplo, a pá-carregadeira nunca deve ser deslocada com o braço frontal totalmente elevado, principalmente se a caçamba estiver com carga.
O operador deve manter o equilíbrio da máquina, sempre sem elevar cargas acima da sua capacidade operacional.
Além disso, não se deve fazer curvas em alta velocidade, nem com cargas elevadas, para evitar riscos de tombamento.

As pás-carregadeiras, possuem diversos pontos cegos, portanto, antes de iniciar qualquer movimentação, é necessário checar as condições da área e na hora de se deslocar em marcha ré, a recomendação é de sempre olhar para trás.

Em uma situação de instabilidade, o operador nunca deve sair ou saltar da máquina, ele tem que permanecer sentado com o cinto de segurança afivelado até que o equipamento seja estabilizado.

Não é permitido em hipótese alguma o transporte de passageiro dentro da cabine do equipamento, nem pendurado na porta de entrada.

Além de fornecer risco de queda, o passageiro pode obstruir a visibilidade do operador.

Ao subir e descer da máquina, o operador deve se posicionar de frente para ela e utilizar três pontos de apoio na escada de acesso. O operador nunca deve embarcar com a carregadeira em movimento.

O assento, o apoio de braço e a coluna de direção devem estar ajustados de forma a permitir que o operador alcance todos os pedais e alavancas até o fim de curso, de maneira confortável e segura.

Antes de dar partida no equipamento, deve se certificar se os comandos hidráulicos e de transmissão estão em posição neutra e o freio de estacionamento aplicado.

ERROS DE OPERAÇÃO
Pás-carregadeiras

Deslocamento com o braço elevado e com carga
• Subir na pilha de material com carga, braço elevado e chassi inclinado
• Movimentos bruscos com carga
• Excesso de velocidade durante a operação
• Deslocamentos excessivos e constantes, nos quais a máquina percorre longa distância
• Falta de habilidade e conhecimento do operador, resultando em manuseio incorreto e quebra do equipamento